domingo, 4 de setembro de 2016

Eu Não Sou Normal!!!

     Ta ok isso muitos já sabem, mas posso contar a minha verdadeira historia, aquela que não está escrito em redações da escola ou estampada em forma de fotos no mural do meu facebook... A minha verdadeira historia ou melhor a historia que vocês não sabem começa mais o menos assim...

Eu nasci no dia 17 do 10 de 2001, portanto se você for verificar em um calendário, vai ver que eu nasci em uma quarta feira, e por mera coincidência esse é o dia da semana que eu mais gosto...
Ta mais oque mais tem de interessante nisso? Pois é oque as pessoas não sabem é que ao contrário de muitas famílias, o meu pai não assistiu o meu parto que por sinal foi bem complicado. Não irei de forma alguma entrar em detalhes até porque obviamente eu não lembro, mas sei que de alguma forma eu não queria sair do ventre de minha mãe... Outra coisa que poucos sabem, inclusive eu fiquei sabendo disso somente a  um mês atras e que no dia do meu nascimento meu pai havia marcado ensaio com o grupo de dança e quando ele chegou lá começou a chorar que nem criança pequena por apenas ter sido pai de uma criança que ele não fazia ideia do que iria se tornar...
 Bom para não pular boa parte da minha vida, eu cresci basicamente no meio de música e da dança, e morei ou fiquei boa parte do meu tempo na casa dos meus avós, que foram as duas pessoas que mais me ensinaram os pequenos valores da vida... Eu cresci, e  cresci sozinha, já fui criada por 4 babás e todas elas foram muito importantes para mim mas nunca substituíram o amor de uma mãe que era oque eu mais precisava... Não que minha mãe não me amasse ou algo do tipo mas é que eu não passava quase nenhum tempo com ela e quando passava fazia de cada momento único, como se fosse o ultimo dos meus dias... Bom essa se resume na história mais básica da minha vida, e oque eu irei dizer agora eu juro por tudo que é mais sagrado nesse mundo, que é verdade...
Por muito tempo tive amigos e inimigos invisíveis, já pensei que meus pais não eram meus pais e criei situações tão ridículas e sem noção que nem eu sei explicar... Como fui criada sozinha sem irmão e sem absolutamente ninguém para dividir as minhas magoas, angustias e rancores que foram se acumulando com o tempo, dividia comigo mesmo e com as paredes, mas depois de um certo tempo a minha companhia já não era mais a mesma, eu precisava me abrir, e foi ai que tudo piorou... Bom eu arranjei uma amiga que basicamente me humilhou um dia no telefone me xingando de tudo oque você possa imaginar... Me ´´apaixonei`` por meninos babacas que hoje são ridiculamente mais babacas ainda, mas por um milagre da vida consegui encontrar dois anjos que fazem de cada um dos meus dias ter algum sentido... A só pra consta esses anjos se chamam Gabriela Theodoro  e Tiéli...
Bom minha vida melhorou 100% depois que viramos amigas, ta ok a gente discutia e enfim, mas pelo menos eu tinha alguém a mais do que minha própria companhia... Mas por mais que eu tentasse eu não parava de ser perseguida pela humilhação, pelo desprezo, pela solidão... As pessoas me zoavam, xingavam, humilhavam e faziam coisas terríveis pra me derrubar, não diria que isso é bulling porque graças a deus ninguém nunca me bateu, mas era doloroso e insuportável...
O tempo se passo e isso já não era mais novidade, cresci e parei de me importar com isso, ganhei a minha irmã que com certeza foi um presente de Deus, mas oque eu não sabia é que ainda viria muita coisa para mim enfrentar...

Bom esse foi o primeiro capitulo dessa história, semana que vem tem mais, então fiquem ligados para descobrir o que de fato estava para acontecer...

                                                       Escrito Por: Gabriela Eduarda Corrêa
                                                                           Obrigado!

Nenhum comentário: